"(Wilson Dias/Agência Brasil)"

O presidente Jair Bolsonaro, disse nesta sexta-feira (8) sobre o Ministro do Turismo Marcelo Álvaro Antônio para ‘Deixar as investigações continuarem’. As Investigações tratam de repasses de recursos para financiamento eleitoral.

O ministro que era presidente estadual do PSL em Minas Gerais na época das eleições do ano passado, citado em suposto laranjal do PSL, em desvio de verbas de campanha para quatro candidatas no Estado.

O comentário do Presidente foi durante uma entrevista a jornalistas no Palácio do Planalto. Bolsonaro participou da cerimônia de entrega de cartas credenciais de embaixadores de seis países, protocolo para o início da atividade de novos embaixadores no país.

Questionado pelos jornalistas se o caso de Álvaro Antônio provoca constrangimento no governo, o presidente respondeu: “Deixa as investigações continuarem”.

Cleuzenir Barbosa, ex-candidata a deputada estadual, declarou ao “Jornal Nacional (Rede Globo)”, que assessores de Marcelo Álvaro Antônio pediram que ela transferisse para empresas, dinheiro público da campanha. O caso está sendo investigado pelo Ministério Público de MG.

Marcelo Álvaro Antônio disse que Zuleide “mente descaradamente”. O caso vai ser investigado pelo Ministério Público Eleitoral e pela polícia.

Outras candidatas do PSL mineiro já são investigadas pela Polícia Federal e pelo Ministério Público por suspeita de candidatura-laranja na eleição passada.

Parte da bancada do Partido Social Liberal também pressiona Bolsonaro a demitir ministro do Turismo. A avaliação é que a permanência dele no cargo contamina a sigla e pode prejudicar o desempenho da legenda nas eleições municipais do ano que vem.

Fontes G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here