"Avenida Rebouças em direção a Paulista"

Protestos contra o bloqueio de orçamento de universidades públicas estão sendo realizados em, ao menos, 82 cidades de 21 Estados e do Distrito Federal nesta quinta-feira (30).

Em Montes Claros, professores e alunos também estiveram presentes.

O Brasil tem a paralização nesta quinta-feira (30), alunos e professores voltam às ruas para protestar contra o “Contingenciamento” de verbas nas universidades, no governo de Bolsonaro.

 

 

As Mobilizações foram convocadas por movimentos estudantis, UNE (União Nacional dos Estudantes), a UBES (União Brasileira dos Estudantes Secundaristas) e a ANPG (Associação Nacional de Pós-Graduandos).

ambém conta com o apoio de algumas centrais sindicais, como a CUT (Central Única dos Trabalhadores), o Partido dos Trabalhadores (PT).

Partidos políticos e entidades partidárias já infestam carros de som para atacar o governo e pedir Lula Livre.

Já são quase 150 atos confirmados em todo o Brasil, nos EUA e na Europa. 

Vídeo publicado pelo O Antagonista, a presidente do PT, Gleisi Hoffmann, discursa contra o presidente Jair Messias Bolsonaro (PSL).

“Nós sabemos que o governo Bolsonaro ataca a educação porque a educação é emancipadora, a educação é libertadora (…)”, diz Gleisi.

“Nós temos que dizer bem alto para esse Bolsonaro miliciano, que até agora não explicou a morte de Marielle, e que governa seu governo com milícias, com ódio, como violência, nós não temos medo de você”, diz a presidente petista.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here