"Vereador Edmilson Magalhaes"

Nesta quinta-feira (13), durante audiência pública realizada pela Câmara Municipal de Montes Claros, o Superintendente Regional da COPASA, Roberto Luiz Botelho reconheceu que a morte dos peixes no Canal do Cintra aconteceu após descarte de material de limpeza de um de seus reservatórios. “Não descartamos esgoto nesta área, o que ocorreu é que no dia 30 de maio, foi realizada limpeza de um dos reservatórios e a água tratada chegou para o córrego com temperatura mais fria que do rio e isso ocasionou o choque térmico resultando na morte dos peixes”, disse o diretor.

O vereador Edmílson Magalhães discorda dessa posição e afirma que a Copasa tem feito descarte irregular também em outras áreas da cidade e já foi multada por isso. “Não é possível que apenas a diferença da temperatura da agua no local tenha sido a causa das mortes dos peixes. A vida inteira a Copasa jogou esse resíduo de limpeza dos reservatórios no córrego, isso não é agua limpa. É um liquido sujo, de cor turva e consequentemente com resíduos químicos”, esclarece o vereador.

Edmílson ainda completou que tem acompanhado de perto a ineficiência e descaso da empresa com a população de Montes Claros e recebe varias denúncias dos moradores de toda cidade que já estão devidamente registradas nos órgãos competentes para providencias. “Reforcei as denúncias que já havia feito nesta tribuna, como no dia 27 de maio, quando um morador da na rua Cel. Luiz Maia, estava recebendo água de cor turva e forte cheiro; há meses, uma adutora da Copasa destruiu grande parte da recém-pavimentada Rua Padre Henrique Munáiz, no bairro Santa Lúcia. O problema só foi reparado quase dois meses após o ocorrido e também o caso do descarte irregular na nascente do Córrego do Cintra ocasionando a morte de milhares de peixes na Praça das Tilápias, completa o vereador.

O vereador por sua vez disse que Não estamos no plenário de brincadeira, somos a favor sim do povo de Montes Claros, a favor dos funcionários das empreiteiras e Copasa estamos aqui defendendo a população e esperamos que com essa audiência se chegue a uma solução. A empresa tem que ter responsabilidade e clareza com a população e falar a verdade. E se for para cancelar o contrato da Copasa, eu tenho certeza que o prefeito Humberto Souto o fará.

Estou fiscalizando e recebendo denúncias de moradores de vários bairros e já fiz representação no Ministério Público e na Secretaria de Meio Ambiente para que a providências cabíveis sejam tomadas e que a população seja assistida com melhor qualidade de serviços prestados.

“Não bastando o que à Copasa vem fazendo com à cidade, destruindo asfaltos, abrindo verdadeiras crateras nas vias públicas, fornecendo água barrenta para população, a empresa também não respeita o Meio-Ambiente, e desta vez, suas ações matou milhares de peixes. Cita o vereador
Por várias vezes, busquei diálogo com à Copasa para que pudesse solucionar este problema, mas em nenhuma das tentativas obtive êxito, por tanto, amanhã estarei formulando denúncias de crime ambiental junto as autoridades competentes, para que esse ato recorrente não fique novamente impune”.

Acreditamos nos órgãos competentes e esperamos que este crime seja devidamente apurado e os responsáveis sejam punidos.


“Após a denúncia apresentada por este vereador nas redes sociais, estiveram no local técnicos ambiental da Secretaria de Meio ambiente e do Grupamento Tático Ambiental (GTA) , onde fizeram o levantamento dos danos ali causados. Também, compareceu ao local uma equipe da Copasa, onde fizeram a remoção dos Peixes mortos ao longo do canal, utilizando de pá e tambores.
É lamentável que em plena semana de conscientização do Meio Ambiente, temos que conviver com tamanha irresponsabilidade”.
“Exigimos respeito ao Meio Ambiente e com à população”! Vereador Edmilson Magalhães

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here