11 C
New York
terça-feira, agosto 3, 2021
InícioInternacionalA escola secreta para meninas no Afeganistão

A escola secreta para meninas no Afeganistão

Em meio à progressiva saída dos Estados Unidos e das forças da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) do Afeganistão, a BBC conversou com três mulheres de três gerações diferentes sobre seus medos e receios para o futuro.

Uma professora experiente, uma estudante universitária e uma estudante de colégio descreveram como, durante a pandemia, elas não só tiveram que enfrentar dificuldades de acesso digital, mas também desigualdade de gênero, cultura e conflito.

A professora

 

Não é a primeira vez que Shahla Fareed esconde livros. Nem é a primeira vez que ela começou a planejar uma escola secreta. Para Shahla e várias outras mulheres no Afeganistão, garantir educação para suas filhas é algo novamente sob ameaça.

Shahla foi professora de escola e agora leciona na Universidade de Cabul, na capital do país. Durante o lockdown no Afeganistão, ela continuou a dar aulas virtuais, mas muitos de seus alunos tinham dificuldades para se conectar à internet.

“A maioria das minhas estudantes mulheres não têm smartphones, e suas famílias não permitem que usem a internet”, disse. “Aquelas que estavam usando um celular de um parente homem frequentemente eram vigiadas durante a aula, para que checassem com quem estavam falando.”

Fonte:G1

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments

Unknow (Alguém que ja participou desse sistema Ebenezer e conheceu nos bastidores) on Patrícia Lelis se envolve em mais uma polêmica, ataca seu ex pastor no Twitter
admin on Turpis Nisl Sit
admin on Turpis Nisl Sit