Aliados respondem Putin com guerra econômica

"O conflito na Ucrânia e a crise humanitária na Europa causaram sofrimento indescritível a pessoas inocentes. Como Sistema, unimos o mundo para condenar a agressão e a violência e rezar pela paz", McDonald's.

0
306
"Mariupol. Ataque direto de tropas russas na maternidade. Pessoas, crianças estão sob os destroços. Atrocidade! Por quanto tempo mais o mundo será um cúmplice ignorando o terror? Feche o céu agora mesmo! Pare com os assassinatos! Você tem poder, mas parece estar perdendo a humanidade".

Desta guerra começada pela Rússia, a redução das emissões de gases de efeito estufa meio de fontes de baixo carbono volta a serem estudados pelos grandes países do mundo, maiores poluidores.

Os países perceberam que tem de diminuir a dependência do combustível fóssil e desta forma, reduzir a influência da Rússia sobre o setor global de energia.  e reduzir os preços de aquecimento e combustível para os consumidores em Canada e ao redor do mundo.

A principal diferença entre as fontes de energias renováveis e não renovável é a limitação de uso: recursos renováveis são infinitos, enquanto as energias não renováveis utilizam recursos não renováveis, portanto tendem a acabar se houver um uso exacerbado.

São exemplos de fontes renováveis: hídrica (energia da água dos rios), solar (energia do sol), eólica (energia do vento), biomassa (energia de matéria orgânica), geotérmica (energia do interior da Terra) e oceânica (energia das marés e das ondas).

São exemplos de fontes não renováveis de energia: petróleo, carvão mineral, gás natural e nuclear.

A economia da Rússia também está fortemente ligada às suas exportações de energia. As sanções contra o setor têm sido uma parte fundamental das tentativas do Ocidente de impedir os esforços de guerra do presidente Vladimir Putin .

As ações caíram na terça-feira, com os preços da energia subindo nos mercados globais (The New York Times ). Desde 24 de fevereiro, quando a Rússia – um dos maiores produtores de energia do mundo – invadiu a Ucrânia, os preços do petróleo subiram cerca de 30%. O preço médio por galão de gasolina na terça-feira nos Estados Unidos foi de US$ 4,17, de acordo com o American Automobile Association . Há um mês, a média era de US$ 3,46.

Biden alertou no Twitter que as empresas para não enganar os consumidores dos EUA.

O petróleo russo representa uma porcentagem relativamente pequena das importações de petróleo dos EUA, que vêm principalmente do Canadá.

“Deixe-me dizer às empresas de petróleo e gás e empresas financeiras que os apoiam: Entendemos que a guerra de Putin contra o povo da Ucrânia está causando o aumento dos preços. Mas isso não é desculpa para aumentos excessivos de preços, ou aumento de lucros, ou qualquer tipo de esforço para explorar essa situação”.

O secretário de Estado Antony Blinken se reuniu na terça-feira em Paris com o presidente francês Emmanuel Macron por mais de uma hora, bem como com o ministro das Relações Exteriores da França, para discutir Putin a crescente situação na Ucrânia.

Macron, que mantém os canais diplomáticos abertos, conversou anteriormente com o chanceler alemão Olaf Scholz e o presidente chinês Xi Jinping.

A Vice-presidente Harris parte hoje de Washington para a Polônia e a Romênia para reforçar o apoio dos EUA aos parceiros da OTAN.

Na terça-feira, o Departamento de Defesa rejeitou a oferta da Polônia de dar aos Estados Unidos seus caças MiG-29 para uso pela Ucrânia, para serem entregues à Base Aérea de Ramstein, na Alemanha.

A própria Alemanha rejeitou e o governo Biden, em uma rara cisão pública com os parceiros da OTAN, rejeitou a ideia da Polônia. É uma opção “insustentável” que poderia ampliar a guerra com a Rússia conforme publicou o site The Associated Press.

Em vídeo, o presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, implorou na terça-feira ao Ocidente que rotule a Rússia de “estado terrorista”, enquanto insta os legisladores britânicos a impor mais penalidades a Moscou e enviar assistência militar à Ucrânia, segundo o site The Hill.

Zelensky no Twitter expressou sua gratidão pela “liderança pessoal de Biden em atacar o coração da máquina de guerra de Putin e proibir petróleo, gás e carvão do mercado dos EUA. Incentive outros países e líderes a seguirem”.

Uma tentativa falhou na terça-feira de evacuar civis da cidade cercada de Mariupol e entregar suprimentos básicos extremamente necessários através de um corredor seguro designados.

Autoridades ucranianas disseram que as forças russas atiraram em um comboio antes de chegar à cidade.

Houve relatos de cadáveres nas ruas e ucranianos desesperados e presos, forçados a procurar comida, derreter a neve em busca de água e se esconder do bombardeio no frio e na escuridão do subsolo.

Um ataque aéreo russo devastou uma maternidade na quarta-feira na cidade portuária sitiada de Mariupol em meio a crescentes avisos do Ocidente de que a invasão de Moscou está prestes a tomar um rumo mais brutal e indiscriminado. Autoridades ucranianas disseram que pelo menos 17 pessoas ficaram feridas no ataque.

“Mariupol. Ataque direto de tropas russas na maternidade. Pessoas, crianças estão sob os destroços. Atrocidade! Por quanto tempo mais o mundo será um cúmplice ignorando o terror? Feche o céu agora mesmo! Pare com os assassinatos! Você tem poder, mas parece estar perdendo a humanidade”.

A estratégia internacional para conter a guerra está focada na punição da Rússia. A proibição dos Estados Unidos em proibir importação de Petróleo, gás e carvão daquele país. Para Biden, esta é mais uma resposta por parte do governo americano como parte da resposta ao presidente russo Vladimir Putin pela invasão do território Ucraniano.

“Os Estados Unidos estão mirando a principal artéria da economia da Rússia. Estamos proibindo todas as importações de petróleo, gás e energia russos”, disse Biden em comentários do Salão Roosevelt na manhã de terça-feira.

O presidente Putin informou que vai ter retaliação e informou que vai ter ataques nos commodities, sem dar maiores informações.

Os parceiros dos EUA e da OTAN aumentaram gradualmente suas abordagens para isolar a economia da Rússia, cortando seu acesso às finanças globais e fontes de receita e bens. Por conta própria, empresas icônicas sediadas nos EUA estão decidindo interromper as vendas na Rússia.

Centenas de grandes empresas norte-americanas suspendem suas operações na Rússia, incluindo marcas americanas icônicas como McDonald’s, Coca-Cola, Disney, Amazon, Starbucks, PepsiCola.

Essas corporações por próprias decisões em não ser vistas como estar do lado de uma guerra não provocada, pode causar grandes prejuízos.

Informações da McDonald’s

Este artigo foi originalmente enviado por e-mail do CEO Chris Kempczinski para funcionários e franqueados do McDonald’s.

O conflito na Ucrânia e a crise humanitária na Europa causaram sofrimento indescritível a pessoas inocentes. Como Sistema, unimos o mundo para condenar a agressão e a violência e rezar pela paz.

Nossa prioridade número um desde o início desta crise tem sido – e permanecerá – nosso povo.

Como Ian Borden compartilhou na semana passada, a Companhia forneceu apoio financeiro imediato à nossa equipe na Ucrânia. Continuamos a pagar os salários completos de nossos funcionários ucranianos e doamos US$ 5 milhões para nosso Fundo de Assistência aos Funcionários, e continuamos apoiando os esforços de ajuda liderados pela Cruz Vermelha Internacional na região. Estamos impressionados com as ofertas de apoio em todo o Sistema e obrigado por suas generosas contribuições até o momento.

Como muitos de nossos colegas na Ucrânia procuraram refúgio, eles encontraram o apoio familiar do Sistema McDonald’s em lugares novos e desconhecidos. Na Polônia e em muitos outros mercados da Europa, nosso sistema literalmente abriu suas casas, seus corações e seus restaurantes. A Ronald McDonald House Charities (RMHC) Poland Care Mobile está na fronteira polonês-ucraniana para fornecer assistência médica e humanitária para famílias e crianças, e outro Care Mobile está a caminho da RMHC Letônia. Além disso, a RMHC Ucrânia está implantando suprimentos médicos e fornecendo ajuda humanitária em todo o país, e seus programas estão sendo reaproveitados para uso por pessoal do hospital.

Esse apoio, habilitado pelo nosso sistema global, está acontecendo em toda a Europa e continuará a crescer.

Nos últimos dias, falei e ouvi de muitos em nosso sistema sobre nossas operações na Rússia. A situação é extraordinariamente desafiadora para uma marca global como a nossa, e há muitas considerações. Por 66 anos, temos operado com a crença de que as comunidades são melhor quando há um McDonald’s por perto.

Na Rússia, empregamos 62.000 pessoas que derramaram seu coração e alma em nossa marca McDonald’s para servir suas comunidades. Trabalhamos com centenas de fornecedores locais, russos e parceiros que produzem

a comida para o nosso cardápio e apoiar nossa marca. E atendemos milhões de clientes russos todos os dias que contam com o McDonald’s. Nos mais de trinta anos que o McDonald’s operou na Rússia, nos tornamos uma parte essencial das 850 comunidades em que operamos.

Ao mesmo tempo, nossos valores significam que não podemos ignorar o sofrimento humano desnecessário que se desenrola na Ucrânia. Anos atrás, quando confrontado com sua própria decisão difícil, Fred Turner explicou sua abordagem simplesmente: “Faça a coisa certa”. Essa filosofia é consagrada como um dos nossos cinco valores orientadores, e há inúmeros exemplos ao longo dos anos da McDonald’s Corporation cumprindo o simples ideal de Fred. Hoje, também é um daqueles dias.

Trabalhando em estreita consulta com nosso presidente, Rick Hernandez, e o resto do Conselho de Administração do McDonald’s na última semana, o McDonald’s decidiu fechar temporariamente todos os nossos restaurantes na Rússia e pausar todas as operações no mercado. Entendemos o impacto que isso terá sobre nossos colegas e parceiros russos, e é por isso que estamos preparados para apoiar as três pernas do banco na Ucrânia e na Rússia. Isso inclui a continuação salarial de todos os funcionários do McDonald’s na Rússia.

É importante ressaltar que a RMHC Rússia continuará suas operações completas, assim como a RMHC Ucrânia está fazendo parcerias com hospitais locais e fornecendo ajuda humanitária em todo o país.

Em todo o resto da Europa, vamos nos concentrar em como o McDonald’s pode ajudar melhor aqueles que precisam, tanto agora quanto no futuro. Já vimos uma liderança extraordinária de nossas equipes ucranianas e russas, e sei que o resto do Sistema McDonald’s está pronto para apoiar o grande número de refugiados que foram deslocados por este conflito.

À medida que avançamos, o McDonald’s continuará avaliando a situação e determinando se quaisquer medidas adicionais são necessárias. Neste momento, é impossível prever quando podemos reabrir nossos restaurantes na Rússia. Estamos enfrentando interrupções em nossa cadeia de suprimentos, juntamente com outros impactos operacionais. Também acompanharemos de perto a situação humanitária.

Como sempre, o McDonald’s será guiado por nossos valores e nosso propósito de alimentar e fomentar comunidades em todo o mundo.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui