11 C
New York
domingo, julho 25, 2021
InícioBrasilia DFMandetta: Bolsonaro queria que a Anvisa alterasse a bula da Cloroquina 

Mandetta: Bolsonaro queria que a Anvisa alterasse a bula da Cloroquina 

"Nós fizemos as recomendações em três pilares: preservar a vida, SUS e ciência. Eu vi vários que ficaram fora desse tripé." Mandetta

Na CPI da Pandemia, nesta terça-feira (4), o ex-ministro Mandetta citou que sua gestão estimulou o uso de máscaras e o distanciamento social pedindo para as pessoas ficarem em casa. 

Enquanto isso, sua equipe se esforçava para obter respiradores e leitos de UTI para evitar o colapso do sistema de Saúde.

Para o ex-ministro o presidente Jair Bolsonaro pouco se esforçou nesta orientação e até incentivou o não uso da máscara e as aglomerações de pessoas.

 “Nós fizemos as recomendações em três pilares: preservar a vida, SUS e ciência. Eu vi vários que ficaram fora desse tripé.” Mandetta.

No entendimento de Mandetta que evitava discutir com o presidente Bolsonaro e “nunca discutiu com o presidente”. “Nunca tive discussão áspera, mas sempre as coloquei [suas discordâncias] de maneira muito clara.”

Para Mandetta havia um certo constrangimento referente às declarações feitas pelo Presidente Jair Bolsonaro na defesa do medicamento Cloroquina no tratamento a pacientes de Covid-19. 

“Nós seguíamos o que tínhamos planejado e o presidente tomava outro caminho. Ele tinha suas próprias idéia”. 

Mandetta deixou claro que entre a Cloroquina e a ciência, ele fica com a ciência. 

“Jamais em minha gestão, o ministério sugeriu o uso do medicamento”, disse. 

Mandetta cita que Bolsonaro deveria ter outra fonte, algum consultor, que dava a ele recomendações que não tinham a ver com o que sugeria seu ministério ou a OMS (Organização Mundial de Saúde).

Várias reuniões com o presidente que tinha a participação de seu filho, o vereador do Rio de Janeiro Carlos Bolsonaro, sempre tomando notas.

Houve  tentativas da Anvisa de alterar a bula de Cloroquina para tratamento precoce da Covid-19. 

Mandetta: Bolsonaro queria que a Anvisa alterasse a bula da Cloroquina

O governo federal chegou a elaborar um decreto, não timbrado, com o objetivo de determinar que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) mudasse a bula da Cloroquina para que o medicamento passasse a ser recomendado no tratamento de Covid-19.

“Fui Mandetta convidado pelo governo federal para participar de reuniões com médicos que propunham o tratamento precoce da Covid-19 com o medicamento Cloroquina, ainda sem comprovação científica quanto à sua eficácia contra a doença”. Disse Mandetta 

Não houve prosseguimento após receber a negativa do órgão regulador, Antônio Barra Torres.

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments

Unknow (Alguém que ja participou desse sistema Ebenezer e conheceu nos bastidores) on Patrícia Lelis se envolve em mais uma polêmica, ataca seu ex pastor no Twitter
admin on Turpis Nisl Sit
admin on Turpis Nisl Sit